Mês do Meio Ambiente: governo investe R$ 2,6 milhões para manutenção de ramal em Acrelândia

Dentro da programação do Mês do Meio Ambiente, o governo, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), assinou ordem de serviço para manutenção do Ramal São Pedro, no município de Acrelândia. A obra está orçada em R$ 2,6 milhões e vai beneficiar diretamente dois projetos ligados à gestão ambiental.

O investimento é fruto do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Acre (PDSA II) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), uma parceria de sucesso celebrada com o Estado do Acre, tendo a Sema como subexecutora.

Investimento é possível graças à parceria do BID

O principal projeto beneficiado trabalha com a confecção artefatos a partir de resíduos do manejo florestal comunitário do Projeto de Assentamento Agroextrativista (PAE) Porto Dias. Conhecidas como gamelas, os objetos já ganharam destaque no mercado de artesanato internacional, e são produzidos pelos artesãos da Associação Seringueira Porto Dias (ASPD).

Para colaborar com o escoamento dos produtos e gerar qualidade de vida para as famílias que residem na comunidade, a manutenção do Ramal São Pedro foi iniciada nesta segunda-feira, 7, quando foi assinada a ordem de serviço.

“Nosso trabalho, sob a orientação do governador Gladson Cameli, é de uma gestão ambiental que se preocupa com as pessoas, com qualidade de vida de quem mora nas comunidades tradicionais e unidades de conservação. São essas pessoas que vivem na floresta, que cuidam e zelam pela manutenção da cobertura florestal. Devemos cuidar e muito bem delas”, disse o secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani.

Além de beneficiar a ASPD, a manutenção de 15 quilômetros do ramal também alegra a vida das pessoas que trabalham no projeto SOS Quelônios, responsável pelo povoamento dos rios do Acre com os tracajás.