Licitações do Programa de Estímulo à Construção

Mais de 40 micro e pequenas empresas acreanas participam dos primeiros processos licitatórios que integram o Programa de Estímulo à Construção Civil para Geração de Emprego e Renda (PEC/GER).

Criado pelo governador Gladson Cameli para incentivar pequenos empresários e impulsionar a retomada da economia local, o PEC prioriza a participação de micro e pequenas empresas nas licitações públicas realizadas para obras de construção civil no Acre.

As licitações foram realizadas na modalidade Tomada de Preços, de forma presencial, em Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Tarauacá, Sena Madureira e Brasileia, entre os dias 27 de agosto e 3 de setembro.

Após o recebimento das propostas, a Secretaria Adjunta de Licitações (Selic), vinculada à Secretaria de Planejamento e Gestão, trabalha no julgamento de habilitação das empresas que participam do certame. Em seguida será aberto o prazo recursal e, não havendo interposição de recurso, haverá a abertura das propostas de preços para as empresas já habilitadas.

“O governador tem nos colocado que este é um momento de concentrar esforços para o sucesso desse programa. A exemplo do trabalho que já realizamos na rotina da Selic, nossas equipes estão empenhadas, colocando a programação em prática e dando o máximo de celeridade possível a tudo aquilo que nos compete”, frisou o titular da Selic, Epitácio de Alencar Neto.

O governo pretende realizar, no âmbito da PEC, mais de 70 obras, em todas as regionais do estado, sempre priorizando a participação de empresas locais, totalizando um investimento de R$ 20 milhões no setor.

Estão em processo de licitação reformas, ampliações e construções que chegam a R$ 400 mil, para atender necessidades de órgãos públicos em Rio Branco, Xapuri, Brasileia, Epitaciolândia, Sena Madureira, Tarauacá, Feijó e Cruzeiro do Sul.