INSS suspende as perícias para REVISÃO DE BENEFÍCIOS

Agência do INSS em Belém: perícias médicas estão suspensas por causa do avanço da contaminação por covid-19

PORTARIA– Segurados que marcaram o procedimento a partir do último dia 12 continuarão recebendo o benefício por incapacidade temporária

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) suspendeu temporariamente as perícias médicas do Programa de Revisão de Benefícios por Incapacidade. As perícias são necessárias para revisão do benefício por incapacidade temporária, antigo auxílio-doença. A suspensão se deu em virtude do aumento de casos de covid-19 no país.

A suspensão vale para perícias marcadas desde 12 de janeiro deste ano. A portaria conjunta do INSS e do Ministério do Trabalho foi publicada ontem. Segundo o ministério, as perícias suspensas serão remarcadas para o segundo semestre, e o INSS comunicará aos segurados a nova data.

Os segurados afetados pela suspensão das perícias continuarão recebendo os benefícios normalmente.

A portaria manteve o atendimento para os casos de mutirões de perícia médica que já estavam previamente programados e com viagens definidas no âmbito da Subsecretaria da Perícia Médica Federal.

O Brasil vem registrando uma curva acentuada no aumento dos casos de covid-19. Dados de anteontem do Ministério da Saúde registraram 87.471 casos de covid-19 em apenas 24 horas Há uma semana (5), o número de diagnósticos positivos foi de 27.267, três vezes menor do que o registrado na quarta-feira. Já o último dia de 2021 registrou 10.282 casos de covid-19 no Brasil em 24 horas. (Com informações da Agência Brasil)

Perícias suspensas serão remarcadas para o segundo semestre, e o INSS comunicará a nova data