Educação realiza visitas a escolas rurais de Rio Branco

A Secretaria de Educação, Cultura e Esportes do Acre (SEE), por meio do Departamento de Educação do Campo, realizou, nesta semana, um ciclo de visitas às escolas da rodovia AC-90 (Transacreana) e também da Vila Jorge Kalume, na Estrada Dias Martins, em Rio Branco.

Entre as escolas percorridas pelo chefe do departamento, Tião Flores, estão a Manoel Thiago Lindoso, Nova Esperança e Monte Alegre, que está localizada no Ramal do Riozinho do Rola, além da Jorge Kalume, situada na vila de mesmo nome.

As visitas serviram, principalmente, para que a equipe do departamento pudesse conhecer as demandas dos gestores, além de verificar o funcionamento de cada unidade: “Ouvimos atentamente as reivindicações e vamos tratá-las da melhor forma, a fim de melhorar o ambiente escolar”, afirmou Sebastião Flores.

Visitas começaram pelas escolas da Rodovia AC-90 e da Vila Jorge Kalume

De acordo com ele, as visitas são uma determinação do governador Gladson Cameli e da secretária de Educação, Socorro Neri, para ouvir os anseios dos gestores. “Estamos fazendo, visitando, presenciando a realidade, para que essas escolas possam ter um bom desempenho no processo de ensino-aprendizagem”, frisou.

Na Escola Jorge Kalume, a professora Elizângela Nery avaliou como “produtiva” a visita realizada. Segundo ela, é uma forma de a secretaria ficar mais próxima dos gestores e da comunidade escolar. “Essas visitas passam credibilidade, fortalecem os laços com a escola”, destacou ela.

Ali, Sebastião Flores conheceu a horta, que faz parte do projeto “Horta na Escola”, desenvolvido pela SEE. Também dialogou com os professores e conheceu as suas necessidades, como a manutenção do prédio, a reestruturação da parte elétrica, uma nova pintura e reforma das calhas.

Recentemente, a SEE realizou a contratação de professores de ensino do campo, que participaram de uma formação por meio da Diretoria de Ensino. A capacitação se deu na Escola José Ribamar Batista (Ejorb) e teve cinco horas de duração, momento em que os docentes receberam orientações sobre o planejamento escolar.

O ciclo de visitas e levantamento de demandas prosseguirá em outras escolas.