Assaltante de escola é morto a tiros, mas fere servidor que o confrontou e outra funcionaria

Uma tentativa de assalto à escola estadual Lourival Sombra, no bairro Tangará, terminou com o assaltante morto a tiros por um funcionário que também foi baleado no confronto. Outra servidora da escola também foi atingida pelo bandido e ambos foram encaminhados ao Pronto Socorro e o estado de saúde dos dois é considerado muito grave.

O servidor de 31 anos, que seria secretário da escola, estava armado, reagiu ao assalto, depois que quatro outros funcionários haviam sido rendidos e trocou tiros com um dos invasores. O assaltante morreu crivado de balas mas, antes, feriu o secretário com três tiros, sendo um no peito, outro no abdome e um na mão. A mulher servidora, de 50 anos, levou um tiro que trespassou seu corpo. Após a ação, um comparsa que estava aguardando do lado de fora na motocicleta não conseguiu dirigir o veículo, deixou a moto caída no local e fugiu.

Os feridos foram encaminhados pelo SAMU ao Pronto Socorro e estão em estado grave. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo do assaltante morto e o caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).