Acre registra mais três mortes e 22 novos casos por covid-19

Cezar Negreiros

Capital acreana registra mais três novas mortes por covid-19 no fim de semana, o estado contabiliza agora 14 óbitos por causa da doença.   As vítimas desta vez eram dois homens e uma mulher que lutavam pela vida numa enfermaria da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), do Pronto-Socorro do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) e da Fundação Hospitalar do Estado do Acre (Fundacre).

De acordo com o boletim epidemiológico do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), o paciente  F. A. N. de 42 anos deu entrada no PS  no dia 22, enquanto o idoso C.M.C. de 60 anos  no dia 23 deste mês, na Sala de Emergência Clínica Covid-19, do Pronto-Socorro de Rio Branco. A aposentada C.M.C de 74 anos de idade,  estava internada na Fundação Hospitalar do Estado do Acre (Fundacre) por causa de uma insuficiência renal aguda e outra doença respiratória. Já o rapaz tinha diabetes melitus e o aposentado tinha hipertensão arterial e uma sinusite.

O Acre conta com 301 casos de covid-19, mas nas últimas 24 horas foram registrado 22 novos casos da doença. São 11 mulheres e 11 homens, todos eles de Rio Branco.  Em contrapartida, aproximadamente 705 casos suspeitos aguardam o resultado laboratorial do Centro de Infectologia Charles Mérieux, 1.460 descartados, 105 pessoas curadas e  notificaram 2.466 casos desde o registro do surto de coronavírus.

Os casos estão assim distribuídos: Rio Branco, Plácido de Castro, Acrelândia, Cruzeiro do Sul, Senador Guiomard, Porto Acre, Bujari e mais recentemente, nos municípios de  Xapuri e Mâncio Lima (no Vale do Juruá).  O prefeito da “Princesinha do Acre” Ubiracy Vasconcelos usou as redes sociais para comunicar que o município tinha registrado dois casos com sorologia positiva, através do teste rápido, aguardará a contraprova. Os rumores que sejam dois militares do 8º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar do Acre (CBM) no município.

Um homem de 59 anos  de idade, deu entrada no hospital Dr. Abel Pinheiro no município de Mâncio Lima, com dengue, o teste rápido apontou que tinha contraído coronavírus. Diante das complicações de uma pneumonia, ele foi transferido às pressas para o hospital Geral do Juruá, onde deve realizar a contra prova, porém, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) ainda não divulgou o resultado da contraprova.

Estatística – O Ministério da Saúde (MS) confirmou 4.543 mortes no país, os infectados já chegaram em torno de 66.501 casos, mas somente no dia de ontem foram diagnosticado mais 4.613 novos casos. O estado de São Paulo desponta com São Paulo, com 1.825 óbitos, seguido do Rio de Janeiro, com 677 mortes; Pernambuco, com 450 óbitos; Ceará, com 390 mortes e Amazonas, com 320 óbitos. Os demais estados estão assim distribuídos: Acre (14); Alagoas (34), Amapá (26); Bahia (76); Distrito Federal (27); Espírito Santo (57); Goiás (26); Maranhão (125); Mato Grosso (10); Mato Grosso do Sul (9); Minas Gerais (62); Pará (114); Paraná (75); Paraíba (50); Piauí (20); Rio Grande do Norte (45); Rio Grande do Sul (42);; Rondônia (10); Roraima (4); Santa Catarina (43); Sergipe (10); Tocantins (2).