Acre confirma casos da variante delta da Covid com transmissão comunitária

Acre confirma transmissão comunitária da variante delta da Covid, com quatro casos de contaminação dentro do estado e dois casos importados de visitantes procedente do Rio de Janeiro. As amostras foram encaminhadas ontem pelo Instituto Evandro Chagas, do Pará, onde foi feito o exame de sequenciamento genético dos 15 casos suspeitos que foram encaminhados ainda no mês passado pelo Departamento de Vigilância em Saúde (DVS).

Com a comprovação da chegada da nova variante e sua circulação na capital acreana, torna-se ainda mais importante o apelo do governador Gladson Cameli nas redes sociais para que a população acreana de se vacine com as duas doses contra a covid-19. A Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) tem intensificado os mutirões, em parceria com as Secretarias Municipais de Saúde.

Desde o lançamento da campanha de vacinação em janeiro deste ano, o estado recebeu 1.028.380 doses dos quatro imunizantes (Coronavac, Astrazeneca, Pfizer e Janssen). Cerca 257.800 pessoas ainda não tomaram a segunda dose da vacina e mais de 60 mil pessoas que estão entre a população alvo da campanha não compareceram para tomar a vacina contra a covid-19 no estado.

O gerente /técnico do Centro de Infectologia Charles Mérieux, Dr. Andreas Stocker já previa a circulação da nova variante Delta (indiana) no estado. Apontava que os jovens e adolescentes contaminados estavam assintomáticos por conta de terem tomado a primeira dose da vacinação. O primeiro caso registrado no país ocorreu no primeiro semestre deste ano, na costa do litoral do Maranhão.

Em seguida, foi registrado a transmissão comunitária da variante indiana nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, e no fim do mês passado, a nova variante foi diagnosticada em seis cidades no estado de Rondônia, inclusive em Porto Velho. A nova variante, segundo Dr. Andreas Stocker, começa com uma simples secreção das vias respiratórias, em outros casos com dores de colunas.

A Secretaria estadual de Saúde emitiu nota a respeito do resultado positivo para a variante Delta

Nota de Esclarecimento da Sesacre

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), informa que recebeu nesta sexta-feira, 10, do Instituto Evandro Chagas, com sede em Belém (PA), o resultado dos exames dos 15 casos supostos de Covid-19 da linhagem Delta, no Acre.

As análises para sequenciamento genético da variante apontam seis resultados positivos, sendo que dois deles são de pessoas que vieram do Rio Janeiro e estavam em visita ao estado. Os demais são moradores de Rio Branco.

O governo informa, ainda, que o sistema de Saúde Pública do Estado está devidamente estruturado para atender todos os pacientes que deem entrada nas unidades com sintomas de Covid-19.

José Gabriel de Souza Mesquita
Chefe do Departamento de Vigilância em Saúde da Sesacre

Janaína Mazaro
Gerente de Assistência do Laboratório Central (Lacen)